quarta-feira, 16 de janeiro de 2008

Fornecedores do serviço de acesso (lSP)

Em Portugal temos já uma grande quantidade de ISP ou fornecedores de acesso à Internet.
Muitos deles oferecem um serviço gratuito, com números de acesso telefónico a preços de cha­mada local, cabendo ao utilizador pagar apenas o custo da ligação telefónica.
O acesso RDIS implica uma modificação da linha telefónica tradicional e um dispositivo adaptador em vez de modem. Em termos de custos, este acesso tem, na sua versão básica, uma taxa fixa, normalmente superior ao da linha telefónica tra­dicional, sendo o custo das chamadas igual. O acesso RDIS básico não é considerado de banda larga, mas tem um desempenho consideravel­mente melhor do que o da linha telefónica com modem.
Os serviços de banda larga - cabo e ADSL - nor­malmente são subscritos com o pagamento de uma taxa fixa ou mista (taxa + pagamento por quantidade de informação transmitida ou tempo de utilização).